Descubra como esses 03 hobbies vão transformar sua vida

Descubra como esses 03 hobbies vão transformar sua vida

Olá caros leitores desta coluna no Nidus! No último artigo, compartilhei alguns ensinamentos de Nassim Taleb sobre antifragilidade. Desde então, venho refletindo em algumas passagens daquele livro, em especial a frase: “- Decisões óbvias precisam de apenas um motivo e não mais que isso”.

É incrível como algumas coisas parecem que “grudam” na gente e ficam martelando nos ouvidos, fomentando reflexões pessoais e orientando as tomadas de decisões. Mas, não se preocupe! Hoje, não vamos “decidir” nada, a pauta é bem mais leve: hobbies!

Por aqui já falamos muito de trabalho, estudo, inovação… Também, nas redes sociais ou conversas diárias, aparecem inúmeras ofertas de cursos, treinamentos, palestras, lives, certificados e várias outras coisas relacionadas à vida profissional que a ideia de explorar um hobby parece estranha e vai ficando para depois. Ainda mais em tempos de “home office”, onde nossa casa (um dos locais clássicos para exercitar o lazer), tornou-se uma extensão do trabalho e deixou tudo mais confuso.

Queria que você pensasse um pouquinho: está exercitando seus hobbies, está cuidando de si, está tendo momentos lúdicos e criativos? Ou assim como muitos, está nesse ciclo doido e mecânico de trabalho, casa-com-trabalho, semana online “disso e daquilo”, cupom de desconto, ligações frenéticas de DDD 11, delivery, netflix, aula da pós, de inglês e despertador? Bem-vindo ao time! (haha).

Esse questionamento vem de uma frase que escutei recentemente e que pode ser um caminho para sair dessa confusão ou, ao menos, torná-la mais dinâmica e divertida:

“Encontre 03 hobbies que você ame, um que lhe traga dinheiro, um que lhe deixe em forma e outro que lhe torne mais criativo”. 

Que frase legal, não é mesmo? Imagine que, além do prazer pessoal, da mudança de rotina e de “ares” por meio de hobbies, é possível ter crescimento pessoal, material, um corpo mais saudável e estímulos criativos tão valorizados atualmente. 

Vamos explorar rapidamente as 03 categorias de hobbies sugeridas:

  • Estímulo da criatividade

Criatividade é o ato de ser criativo, de criar, inovar, pensar diferente, trazer novas ideias e soluções para um problema. Um hobbie desta categoria vai lhe ajudar a pensar diferente e manter seu cérebro ativo.

Poderíamos colocar nesta lista atividades como: pintura, jardinagem, escrita, quebra-cabeças, teatro, música, origami, culinária, edição de vídeos, trabalhos com argila, cutelaria e várias outras relacionadas.

Ou seja, ao produzir e fazer algo que gosta, que envolva criação, trabalho manual, trabalho mental e outros, estará, também, estimulando sua criatividade e habilidades de resolução de problemas.

Ainda sobre o tema, há um texto bem legal publicado nesta coluna com as lições de criatividade do bestseller “Roube como um artista”, de Austin Kleon, só clicar AQUI.

  • Melhora de forma física

Se tem alguma coisa que ninguém gosta é de ficar ofegante ao subir um pequeno lance de escadas. O vigor físico e disposição são muito importantes na vida adulta e fazer uma atividade física prazerosa é o caminho para se manter firme nela. Um hobbie desta categoria vai ajudá-lo a se manter em forma, saudável e ativo fisicamente.

Aqui temos muitos exemplos, desde jogar bola com os amigos, caminhar no fim de tarde, jogar beach tennis, danças, bicicleta e seus grupos de passeio, lutas, crossfit, e até mesmo aqueles exercícios guiados com aplicativos de celular. 

O importante é escolher alguma atividade que você realmente goste, que tenha orgulho, que tenha um grupo, que seja divertida e que você vá fazer com disposição e alegria e não aquela coisa: “ahhh que saco, hoje tem treino”. 

  • Ganho de dinheiro

Essa aqui ficou fácil! Quem não quer ter um hobby que dê dinheiro? A ideia não é transformar o seu momento de lazer e descontração em sua fonte de renda primária, mas que você possa extrair de uma atividade lúdica alguma renda, ainda que pequena inicialmente.

Talvez, você goste de conversar e receber pessoas na sua casa… que tal oferecer um cômodo em sites de aluguel, como Airbnb? Ou, se você adora cozinhar compotas, preparar cervejas ou revisar textos, que tal oferecer esses produtos ou serviços para seus amigos, redes sociais ou sites de venda?

Pode parecer algo pequeno e incipiente em primeiro momento, mas a possibilidade de monetizar um hobbie, além de lhe trazer outra renda, poderá permitir a aquisição de novos equipamentos, cursos e até diminuir o custo da atividade, visto que a maioria das coisas ficam mais baratas quando feitas em escala.

Ei, você! Quais são seus hobbies? Há algum deles que se encaixa em alguma dessas categorias apresentadas? Ou, quem sabe, todos eles estão dentro de uma mesma categoria… Pode ser uma grande oportunidade de pensar sobre isso, diversificar seus interesses e ações e tirar o melhor do seu tempo livre! Até porque, após ler este texto, vai ser difícil ter como hobbie só as séries online.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *