Nidus

Arquivos do autor: Eduarda Montibeller Schuch

O setor público enfrenta um número crescente de problemas difíceis de resolver, uma vez que as soluções devem atender a diferentes requisitos. São os chamados wicked problems (Ansell e Torfing, 2014). Para enfrentá-los, torna-se necessário formular novas respostas. Nesse contexto, a inovação surge como uma maneira de melhorar o desempenho do governo e permitir que a administração pública seja mais responsiva ao cidadão. Quando se assume que o tema inovação no setor público transcende a perspectiva schumpeteriana, baseada numa lógica de manufatura (Schumpeter, 1982), para incorporar uma abordagem de serviços (Osborne, 2013), compreende-se que o valor a ser entregue deve ser co-criado com o usuário (Trischler e Scott, 2016). A capacidade de co-criação passa a ser uma condição para se criar inovações em serviços públicos que atendam as necessidades do cidadão (Voorberg, Bekkers e Tummers, 2015). Por co-criação em serviço, Voorberg, Bekkers e Tummers (2015) assumem o envolvimento de diferentes…

Leia mais

1/1